Currículo médico: o que se deve atender em apresentação e conteúdo

curriculo medico mulheres
Compartilhe:

Salvar vidas é a missão dos milhares de médicos que chegam ao mercado profissional todos os anos. Depois de passar seis anos de estudos acadêmicos e, talvez mais dois especializando, o futuro médico tem um novo desafio pela frente: elaborar seu currículo médico.

Uma tarefa que para muitos pode não ser tão fácil quanto tratar das mais diversas doenças. Afinal, uma informação mal colocada ou omitida, pode atrapalhar na sua seleção e, consequentemente, no seu futuro profissional.

O mercado de trabalho está bem concorrido. Todos os anos aproximadamente 25 mil novos médicos se formam no Brasil. Mas a partir de que ano o aluno deve se preocupar com o currículo?

Quais os critérios que deve atender para gerar boa apresentação. Quais atividades e experiências ressaltar no documento e qual seria o modelo ideal?

Para esclarecer as dúvidas e traçar o melhor caminho preparamos esse conteúdo que vai ajudar a montar um currículo que se destaque dos demais. Acompanhe!

O que é o currículo médico?

curriculo medico profissional papel mao

Currículo médico é como se fosse a carta de apresentação do recém-formado, mas também do profissional mais experiente. Para quem prefere iniciar a prática clínica assim que graduado, precisa se preocupar com o conteúdo do seu currículo.

Ele deve reunir de forma clara e simples, todas as informações relativas aos dados pessoais, à formação acadêmica e as experiências adquiridas ao longo do curso e fora dele também.

Vale ressaltar a participação em projetos de extensão ou de pesquisa, intercâmbios, cursos, liga acadêmica, entre outras atividades. O mesmo vale para o médico mais experiente que busca nova colocação e destaque em meio à concorrência.

Para que serve o currículo médico?

Um currículo médico é um documento que apresenta as habilidades e o conhecimento acadêmico e profissional que o médico adquiriu ao longo dos estudos. Ter um bom currículo de Medicina é quase que uma obrigação para o profissional que deseja ingressar no mercado de trabalho ou se destacar na profissão.

É importante também para a seleção de residência médica, pois ele representa cerca de 10% no processo de escolha. Vale enriquecer o documento com informações referentes a todas as atividades extracurriculares que participou.

O currículo médico também é fundamental para que o paciente conheça melhor as competências de seu médico. Desta forma se sentirá mais seguro e amparo em seu tratamento.

Importância de um currículo médico completo para boa colocação no mercado de trabalho

curriculo medico papeis mesa

Escolher um modelo de currículo que melhor se encaixa à sua necessidade é importante, mas o essencial é sempre o seu conteúdo. Uma colocação no mercado de trabalho pode depender da forma como o médico se apresenta por meio do seu currículo.

A conquista de uma boa oportunidade pode depender disso. Afinal o currículo é o cartão de visita de todo profissional. O documento deve detalhar todas as experiências vivenciadas, seja na universidade, como no exercício da profissão.

Pensar em estratégias de elaboração e também na entrevista de seleção é importante. A concorrência acirrada já começa na hora de ingressar na residência médica ou na especialização, que oferece mais de 50 opções de carreiras.

Diferenças de um currículo de médico recém formado para médico especialista

Os dois tipos de currículo merecem cuidados e estratégias bem definidas na hora da elaboração. O recém-formado ou médico generalista deve construir seu currículo elegendo as principais atividades que participou ao longo do curso.

Se o objetivo é iniciar a prática médica é relevante destacar os eventos que contribuíram para enriquecer seu conhecimento. Entre eles, projetos de pesquisa ou de extensão, cursos de idiomas, intercâmbios no exterior, etc.

Para concluir a pós-graduação Lato Sensu é importante frisar isso no currículo, pois é um diferencial em sua qualificação. Afinal as aulas reforçam o conhecimento teórico e prático. Se a opção for residência médica ou especialização, acrescente mais informação sobre a sua experiência.

Aponte estágios, iniciação científica, publicações científicas, monitorias, participação em eventos ou plantões, entre outros.

O que o médico deve observar ao montar o seu currículo?

curriculo medico medico maos cruzadas

Uma vaga em um hospital ou um estágio em emergência pode depender em boa parte da apresentação do currículo médico.

Para se destacar entre os concorrentes, uma boa estrutura, com diferentes abordagens de montagem pode ser o caminho certo para conquistar uma vaga de trabalho.

Então vamos detalhar melhor três dicas preciosas na hora de montar o seu currículo:

1- A estrutura do currículo médico não deve ser longa. Em média, as informações devem ser condensadas em duas ou três folhas no máximo.

O tamanho da fonte é importante para dar boa leitura, podendo ser entre 11 ou 12. Atenção na ortografia e na extensão. Além do Word, ele pode ter uma versão em PDF.

2- As informações necessárias, como os dados pessoais devem vir no primeiro tópico. Em seguida descreva a sua formação acadêmica, começando pela graduação, pós-graduação, residências, etc.

Depois fale sobre a experiência profissional. Caso ainda não tenha exercido a profissão, ressalta o conhecimento adquirido ao longo do curso e as atividades complementares.

Por último, pode listar as publicações de trabalhos, organizá-las em ordem cronológica, os cursos de idiomas, ou as práticas de voluntariado.

3- Informações desnecessárias não devem ir para o currículo apenas para ganhar mais espaço. Informações como estado civil, histórico salarial ou motivos porque saiu do último emprego estão em desuso.

As referências profissionais também não precisam constar no documento.

Apresentação estética do currículo médico

Assim como a estrutura e o conteúdo, a estética do currículo médico é importante. Ela vai impactar diretamente na apresentação e na organização das informações.

Portanto, organização, clareza de ideias e de dados são fundamentais, para um documento bem elaborado. A formatação do documento deve seguir algumas regras importantes:

– Escolha geralmente o formato de folha A4;

– Use fonte legível como arial, cambria ou garamond;

– O tamanho da fonte pode ser 11 ou 12;

– As margens devem ser de dois a cinco centímetros;

– A separação de tópicos pode ser feita com espaçamento, podendo colocar um título em negrito e em tamanho maior do que o usado no texto. Tamanho 14 é o ideal;

– Não use cores para chamar a atenção para algum tópico ou informação.

Apresentação das atividades no currículo médico demonstrando evolução profissional

Apresentar informações que demonstrem a sua evolução profissional é fundamental para deixar o currículo médico bem apresentável. Um bom currículo abre portas e faz com que o candidato se destaque dos demais.

O tópico da descrição profissional merece melhor detalhamento das competências desenvolvidas na faculdade de Medicina ou em algum outro tipo de trabalho que já tenha realizado.

Isso pode indicar como sua experiência poderá contribuir para a nova função que deseja. Seja objetivo e direto nas informações. Determine uma linha do tempo para descrever as atividades, detalhando cada uma delas.

Comece pelo último emprego ou atividade, seguindo para os anteriores. Estabeleça um período para não ser muito extenso, por exemplo, nos últimos cinco anos. Apresentar seus conhecimentos e habilidades é necessário.

Não se esqueça das atividades extracurriculares

Todas as atividades extracurriculares são importantes para enriquecer o conhecimento e as competências médicas, por isso merecem ser detalhadas no currículo.

Aponte o máximo de dados possíveis, como estágios; iniciação científica e publicações; pesquisas;cursos de idiomas e informática; intercâmbio; participação em eventos, em plantões ou em ligas estudantis; monitorias; projetos de extensão.

Cada atividade pode ser acrescida de um breve descritivo. Certificados de proficiência, como TOEFL e o ECCE dão peso ainda maior ao currículo médico.

As qualidades e principais características profissionais devem ser bem evidenciadas

O currículo médico pode ser enriquecido com informações claras e diretas sobre as principais características profissionais e pessoais do candidato. Proatividade, visão analítica, autoconhecimento, honestidade, ética e responsabilidade são bons exemplos.

O conhecimento médico e as habilidades inerentes à Medicina devem ser ressaltados. Por isso descreva todas as atividades e trabalhos que acredite ter importância para sua contratação, como já falamos anteriormente.

Apresentar boa comunicação; franqueza; empatia; visão humanitária; atualização sobre novas tecnologias; rigor e respeito, complementam o conteúdo e enriquecem a sua apresentação.

Atenção ao tamanho ideal de currículo médico

Sabemos que a área acadêmica apresenta inúmeras atividades curriculares e extracurriculares, podendo gerar um número extenso de informações.

O ideal é que o currículo tenha entre duas e três folhas no máximo. Portanto escolha somente as informações relevantes ao cargo desejado.

Quais as informações que devem constar no currículo médico?

curriculo medico medica mostrando papel

Saber elaborar coerentemente um bom currículo médico pode ser um desafio vencido ainda durante o curso. O ideal é começar a organizar as informações entre o quinto ou sexto ano da graduação.

Para o recém-formado é importante ressaltar sua participação em projetos, pesquisas, publicações científicas, cursos, etc. O mesmo vale para quem não tem muita experiência ou prática médica.

A seguir vamos apresentar algumas dicas importantes para deixar o currículo médico ainda mais atraente. Confira!

Dados pessoais

Esse deve ser o primeiro tópico do currículo e deve conter nome completo, idade e dados para contatos atualizados. A seguir ressalta as habilidades que comprovem seu valor. Isso inclui habilidade técnica, soft skills e hard skills.

Você pode alinhar as suas habilidades com as oferecidas na descrição da vaga. Conhecimento de novas tecnologias, como robótica enriquecem o currículo ainda mais.

Informações acadêmicas

Descreva as principais disciplinas pertinentes à carreira ou a vaga pretendida, bem como todas as atividades extracurriculares que tenha participado. Afinal as pessoas desejam saber o que você produziu ao longo do curso.

Em quais pesquisas se envolveu? Quais cursos participou. Organize os dados de forma clara, trazendo um breve descritivo sobre a instituição na qual se formou e as atividades que considera mais importantes. Caso tenha publicado algum artigo científico, fale um pouco sobre ele.

Cursos de pós-graduação Lato Sensu podem representar um diferencial importante. Aponte o nome da instituição e fale um pouco sobre as atividades teóricas ou práticas que participou.

A faculdade precisa ser reconhecida pela Associação Médica Brasileira (AMB) e pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).

Especializações médicas, caso houver

Assim como na graduação, detalhar as informações sobre as especializações médicas vão deixar o currículo médico ainda mais atraente. Fale sobre a instituição onde realizou a residência ou a sociedade de especialização médica que aplicou a prova de titulação.

Outros idiomas, estágios, cursos de informática ou de robótica, publicações científicas, intercâmbios, também podem aparecer no currículo neste tópico.

Experiência profissional

Nesse campo o candidato deve fazer um resumo de suas qualificações médicas. Inicie pela denominação da profissão, o tempo de experiência e suas atribuições no trabalho. Fale de suas habilidades profissionais e pessoais, suas competências e conquistas.

Deixe claro para o empregador as suas qualidades e como você pode contribuir para a unidade de saúde. Caso não tenha experiência profissional ainda, dê ênfase a sua formação acadêmica e aos cursos de especialização, de idiomas, de informática, entre outros.

Atividades diversas que agregam à descrição do profissional

O recrutador precisa ser convencido de suas habilidades acadêmicas e profissionais para ocupar a vaga que deseja. E o currículo pode ser a estratégia para convencê-lo de que você é o médico certo para a instituição.

Então em cada experiência descreva o cargo, o nome da empresa, as datas, as conquistas, as atribuições. O mesmo vale para os cursos, simpósios ou congressos que tenha participado.

Lembrando que o foco são as informações que o qualificam para a vaga. Dados sobre o internato, residência e trabalhos voluntários na área da saúde também podem ser acrescentados.

Idiomas

Para um médico, falar outra língua é essencial. Mas no currículo aponte somente o idioma que tenha conhecimento, que fale ou escreva fluentemente. Isso porque você poderá ser testado durante a entrevista.

Falar inglês, por exemplo, é fundamental, porque é o idioma presente na maioria das publicações e pesquisas da área médica. Outro diferencial é o conhecimento em informática, robótica ou ter certificações de proficiência como o TOEFL e o ECCE.

Ambos são testes internacionais de língua inglesa direcionados a quem tem um nível mais avançado de idioma. Caso tenha noções de outras línguas, também pode colocar as informações sobre o nível de cada uma delas.

Voluntariado

Mostrar interesse pelo outro, por meio de ações voluntárias agradam os recrutadores. Caso tenha participado de algum projeto ou trabalho social é importante citar no currículo médico.

Seja breve e objetivo na descrição para não tomar muito espaço no documento. Cite a sua vivência, sua visão e de que forma foi impactado por este tipo de trabalho.

O que é a plataforma Lattes e como ela pode ajudar quanto ao currículo médico?

curriculo medico medica escrevendo

Criada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a plataforma Lattes eletrônica é uma referência internacional na catalogação de dados sobre profissionais e pesquisadores.

Lançada em 1999, teve seu software licenciado gratuitamente para diversos países, como Chile, Argentina, Colômbia, Equador, Peru, Portugal e Moçambique. O nome da plataforma foi uma homenagem ao físico Césare Mansueto Giulio Lattes, mais conhecido como César Lattes.

A ferramenta funciona como uma base nacional de dados. Reúne informações profissionais e acadêmicas de alunos e pesquisadores das mais diversas áreas do conhecimento. O CNPq tem como principal missão, fomentar o desenvolvimento científico e tecnológico brasileiro.

Por meio de cadastro gratuito no endereço https://lattes.cnpq.br/ é possível ter acesso a diversos materiais como apresentações, palestras, artigos, entrevistas, projetos de extensão, redes sociais, projetos de pesquisa entre outras atividades.

Além disso, é possível montar um currículo e poder participar de seleções para projetos acadêmicos, concursos públicos e bolsas de pós-graduação, mestrado ou doutorado. O currículo Lattes é uma das ferramentas mais importantes do meio acadêmico.

Isso porque ele é a porta de entrada para os processos seletivos de áreas como a docência ou a pesquisa. A Plataforma também é utilizada para seleção de candidatos, por isso é de suma importância preencher corretamente todos os dados solicitados.

Modelos de currículo médico

curriculo medico medica digitando

Ter um currículo médico bem elaborado depende de padronização e critérios pertinentes à área. Além de cadastrar seu currículo na Plataforma Lattes, é importante participar de processos seletivos e concursos.

O recém-formado pode destacar suas experiências acadêmicas e extracurriculares. Já o profissional que pretende novas oportunidades ou mudar de área, deve, por exemplo, apontar suas experiências com a prevenção, o diagnóstico e o tratamento de doenças.

É importante apontar os reconhecimentos, as certificações, trabalhos voluntários, intercâmbios, entre outras informações. Para ajudá-lo nessa tarefa trouxemos alguns exemplos e modelos de currículo médico.

– A plataforma Onlinecurrículo é um gerador de currículo on-line. Oferece diversos modelos, além de facilitar a edição e atualização dos dados via computador, tablet ou telefone.

https://www.onlinecurriculo.com/exemplo-curriculo/medico/

– A Zety apresenta 18 modelos de currículos médicos para download. Além disso, conta com guia para que você faça seu próprio currículo.

https://zety.com/br/blog/curriculo-medico

– A plataforma Sinaxys facilita a busca por vagas de emprego na área da saúde.  Também oferece dicas de como elaborar um currículo atraente. Possui um filtro onde o candidato pode escolher a vaga por especialidade médica desejada, localidade, entre outras informações.

https://sinaxys.com/

Conheça a Sinaxys

curriculo medico homem avaliacao

A Sinaxys é uma moderna plataforma digital de recrutamento e gestão de pessoas. Uma ferramenta indispensável para quem procura uma boa colocação no mercado de trabalho, em especial na área de saúde.

Um importante app voltado para networking e oportunidade de trabalho, conectando vagas de trabalho com profissionais de saúde. O acesso é gratuito e o anúncio da vaga é feito em menos de dois minutos.

Para o profissional da saúde, a Sinaxys oferece maior autonomia nesse mercado, tornando-o referência e possibilitando que aumente a sua captação de pacientes. Para o gestor, a Sinaxys representa uma forma simples, segura e eficiente de contratar.

Por meio de filtros a busca por vagas é facilitada e rápida. Além disso, o médico pode desenvolver e melhorar seu networking. Ele pode receber mais pacientes e também encaminhá-los a outros profissionais.

Novos caminhos, novos horizontes profissionais viabilizados por meio de avançada tecnologia, acessível 24 horas em todos os dias da semana.

Vagas para médico

Com um mercado bem diversificado, a área médica oferece oportunidades de empregos públicos ou privados em diversos segmentos. Entre eles, empresas, hospitais, clínicas, clubes, centros de pesquisa e centros esportivos.

Uma boa parte dos médicos preferem montar seus próprios consultórios ou se associar a outros profissionais. De acordo com dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a Medicina é a primeira entre as 48 melhores profissões  de nível superior.

É a mais atrativa nos quesitos salário, empregabilidade e previdência.

Se você busca vagas para médicos, saiba que a Sinaxys oferece oportunidades em diversos estados, como Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Você pode fazer a busca por região ou então pela sua especialidade.

Acesse o link e encontre a vaga ideal para o seu perfil!

Conclusão

Como vimos, um currículo médico é importante não somente para o ingresso do profissional no mercado de trabalho, mas também, na busca por novas oportunidades. Além disso, é um importante cartão de visitas no meio acadêmico e entre seus pacientes.

Saber as qualificações médicas oferece maior segurança ao paciente na hora do tratamento ou de alguma intervenção cirúrgica. Uma das maiores vitrines profissionais para quem pretende investir em pesquisa e na área acadêmica é a Plataforma Lattes.

Outros sites ampliam as opções para os médicos que procuram dar um novo impulso em suas carreiras.

O importante é manter um padrão de elaboração, se atentar a todas as informações necessárias e se apresentar da melhor maneira possível. A plataforma Sinaxys é uma importante ferramenta nesse sentido.

Continue acompanhando nosso blog para ficar por dentro de tudo o que envolve a área médica!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere, profissional da saúde!

Baixe o app da SINAXYS gratuitamente

medico sinaxys

Encontre as melhores vagas de emprego na área da saúde.

medico sinaxys

Encontre vagas de emprego na área da saúde.