Tabela CID: o que é, para que serve, importância, e mudanças da CID 11

tabela cid mao caneta
Compartilhe:

A Classificação Internacional de Doenças, conhecida como Tabela CID, é de reconhecimento internacional, que desde meados de 1940 vem sendo atualizada frequentemente e ajudando profissionais da área da saúde em seus diagnósticos e tratamentos.

Sendo assim, uma importante ferramenta na classificação e codificação de doenças existentes não só no Brasil, mas em todo o mundo.

Porém, sua utilização e importância vai além de classificações de doenças e códigos, afinal, ela traz informações essenciais para o entendimento de médicos e pacientes.

Por ser uma tabela que tenta compartilhar informações de maneira global entre profissionais da saúde, a CID está sempre em evolução.

Neste ano de 2022, inclusive, entrou em vigor a sua nova versão – Tabela CID 11 – que traz mudanças consideráveis e novas perspectivas em torno de doenças mentais e sexuais, por exemplo.

Estas atualizações constantes podem afetar negativamente o trabalho dos profissionais da área, se estes não estiverem informados sobre tais mudanças, prejudicando ainda mais pacientes acerca de diagnósticos e tratamentos.

Por este motivo, neste artigo decidimos ajudar você profissional da saúde e você paciente a entender melhor o quanto este CID e suas mudanças podem impactar, de forma positiva, suas vidas.

Boa leitura!

O que é a Tabela CID?

tabela cid reuniao medicos
Tabela CID: equipe médica.

A Classificação Internacional de Doenças ou Tabela CID é uma importante ferramenta, ou melhor, a principal ferramenta epidemiológica que um médico pode utilizar e facilitar o seu dia a dia.

Afinal, a Classificação Internacional de Doenças (CID)  não apenas mostra e classifica as doenças existentes, mas também traz um padrão para a nomenclatura delas, criando ainda, um código de identificação.

Com isso, temos uma facilitação na comunicação entre os diferentes profissionais da saúde de todos os países. Porém, vale ressaltar que ela também tem como função o monitoramento de incidências e prevalências de cada uma das doenças classificadas.

Com o padrão criado pela Classificação Internacional de Doenças (CID) é possível, inclusive, determinar fatores como: as doenças existentes, seus sintomas e queixas, suas principais causas externas e sinais, circunstâncias sociais e se há aspectos anormais, por exemplo.

E por ser uma tabela atualizada frequentemente, conforme novas doenças vão sendo identificadas e por sofrermos mudanças tecnológicas e científicas, por exemplo, profissionais da saúde podem usá-la em seu trabalho.

Isso como forma de abranger mais o conhecimento e agilizar os seus atendimentos, auxiliando tanto nos diagnósticos quanto nos tratamentos das principais doenças presentes no Brasil.

Porém, antes de utilizar a Tabela CID, provavelmente você deve estar se perguntando quem a desenvolve não é mesmo?

Pois saiba que sua história tem início ainda no século XIX, quando ainda não se tinham muitas informações acerca de doenças.

Quem desenvolveu a Tabela CID?

A Tabela CID, que também podemos chamar de Classificação Internacional de Doenças  e Problemas Relacionados à Saúde, foi desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1893.

Contudo, nesta época era conhecida como “lista internacional das causas de morte”, afinal, não haviam muitas informações sobre doenças.

Por esta razão, somente nos anos de 1940 que foi criada a versão que conhecemos até hoje e seu nome sofreu alteração.

A CID-10 desenvolveu-se em 1992 e seu propósito era rastrear estatísticas de mortalidade.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) costuma publicar atualizações anuais, quando estas são menores, e atualizações a cada três anos, quando se trata de mudanças maiores.

Entre as mudanças feitas recentemente, em 18 de junho de 2018, pela Organização Mundial da Saúde (OMS) podemos citar a CID-11, que possui aproximadamente 55 mil códigos únicos para lesões, doenças e causas de morte, que entrou em vigor em 1 de janeiro de 2022.

No entanto, nem todos entendem a importância destas alterações frequentes e o quanto ela pode auxiliar no dia a dia de um médico, por exemplo. Mas, acredite, ela é de extrema importância para os profissionais da saúde realizarem seu trabalho de forma clara e ágil.

Para que serve a Tabela CID?

tabela cid medicos sentados
Tabela CID: reunião de médicos.

Como você já deve ter notado, a Tabela CID sempre está em constante evolução para levar a melhor informação possível às pessoas, principalmente aos profissionais de saúde e seus pacientes.

Afinal, ela busca tornar mais fácil o dia a dia do médico quando o assunto é diagnóstico e tratamento de doenças.

Ou seja, podemos enfatizar que a Classificação Internacional de Doenças (CID) serve não só para classificar e codificar as doenças existentes, mas traz uma ampla variedade de informações acerca delas com o objetivo de melhorar a comunicação entre os profissionais, e ainda, facilitar o entendimento dos pacientes.

Entre as informações que podemos destacar estão: os sinais e sintomas das doenças, os achados anormais, denúncias, circunstâncias sociais e causas externas de danos e/ou doenças.

Um ponto a destacar é que graças a esta tabela, foi possível diminuir problemas de traduções e falhas em diagnósticos, pois anteriormente, havia um grande problema nesta questão entre médicos do mundo todo.

E, como a Classificação Internacional de Doenças (CID) tem alcance internacional, esta questão foi resolvida com sucesso. Este, aliás, pode ser considerado o maior benefício trazido por ela.

Qual a importância da Tabela CID para a Medicina?

tabela cid medico olhando camera
Tabela CID: médico.

Obviamente que você já deve ter percebido que a Tabela CID tem sua importância, sobretudo, para os profissionais da saúde. Isso porque, ela tem como principal objetivo melhorar a comunicação e gerar diagnósticos e tratamentos com maior segurança para os pacientes.

Fora isso, estamos falando de uma tabela internacional que não só classifica e codifica as doenças identificadas pela ciência, mas ainda traz informações essenciais acerca delas, como sinais e sintomas (até mesmo anormais).

Com tudo isso, não é difícil compreender o quanto ficar atento às atualizações da Tabela CID é importante, afinal, todo médico precisa entender as doenças que cercam sua área de atuação e repassar tal entendimento ao seu paciente, de maneira clara.

Mas para que você saiba compreender esta tabela e fazer dela algo indispensável no seu dia a dia, confira a seguir como ela é organizada.

Como é a organização das doenças na Tabela CID?

Você leu tudo que escrevemos até aqui e, claramente, já entendeu o que é e como foi desenvolvida a Tabela CID, por que ela foi desenvolvida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e qual sua importância na vida de um médico atualmente.

Mas, você deve estar se perguntando como ela é organizada, afinal, como usar algo para se organizar sem saber ao certo como este item é organizado, não é mesmo? Mas calma, aqui vai a explicação de como ela funciona!

Aqui no Brasil a cada estado de saúde é atribuída uma categoria única à qual corresponde um código, que contém até 6 caracteres.

Tais categorias podem incluir um conjunto de doenças semelhantes. Além disso, a lista é atualizada continuamente, conforme novas doenças são identificadas.

Ao contrário das outras edições, que contavam com dois volumes, a CID-10, em vigor até 2022, está organizada em três volumes. Veja abaixo como funciona cada um deles:

  • Volume 1: este ainda abrange a Morfologia das Neoplasias (CID-O), trazendo então as Listas Especiais para Tabulações, Definições e Regulamento da Nomenclatura;
  • Volume 2: este, por sua vez, busca apresentar as regras, orientações, guias e informações similares para os usuários da classificação, além de definições relacionadas a mortalidade fetal, perinatal, neonatal, infantil e materna;
  • Volume 3: este então, tem como base o índice alfabético da CID, das quais, são incluídas três seções: onde a primeira traz o Índice Alfabético de Doenças e Natureza da Lesão, o Índice Alfabético de Causas Externas da Lesão e a Tabela de Drogas e Compostos Químicos.

Vale enfatizar que esta tabela busca ajudar profissionais da saúde do mundo todo e cada país tem sua forma de organização.

Por isso, alguns países têm criado suas próprias extensões do código CID 10, que ficou em vigor até janeiro de 2022, sendo traduzido em 43 idiomas e estando presente em cerca de 115 países.

Na Austrália, por exemplo, a primeira edição a ser apresentada, em 1998, foi a  a CIE-10-AM. Já o Canadá apresentou a sua dois anos depois, em 2000, identificada como CIE-10-CA. Enquanto que a extensão da Alemanha ficou conhecida como CID-10-GM.

Outros dois países que trouxeram modificações para o código são Estados Unidos e Porto Rico, que se prepararam para a efetivação do Sistema de Classificação de Doenças, dando início a nova implementação em outubro de 2015, apesar de já utilizarem o Manual de Procedimentos.

Estados Unidos, inclusive, acrescentou o anexo com o Sistema de Classificação de Procedimentos ou ICD-10-PCS.

Como ter acesso à Tabela CID completa?

tabela cid medico falando
Tabela CID: conversa entre médicos.

Sendo uma tabela de extrema importância para o trabalho de profissionais da saúde, obviamente que você deve estar pensando: onde eu posso acessá-la?

Bom, a resposta é simples: você pode acessar a Tabela CID pelo da própria Organização Mundial da Saúde (OMS) ou outros sites relacionados a área médica, como o Bulas.Med

E quando o assunto são auxílios-doença acidentários e previdenciários, que são concedidos segundo os códigos da Classificação Internacional de Doenças – CID-10, você pode encontrar maiores informações sobre os previdenciários por meio do Portal GOV, pertencente ao Governo Federal. O site também traz

Por ser um documento sempre em atualização, a CID 11 é a nova versão da tabela, que entrou em vigor em janeiro de 2022. Confira mais sobre esta atualização abaixo.

CID 11: a versão mais atual da Tabela CID

Como podemos perceber ao longo deste artigo as atualizações na Classificação Internacional de Doenças (CID) ocorrem frequentemente pela Organização Mundial da Saúde (OMS), conforme novas doenças vão surgindo. 

E é por esta razão que, após mais de uma década em desenvolvimento, entrou em vigor  agora a versão atual da tabela – a CID 11.

De acordo com a Nações Unidas, esta versão reflete as mudanças e os avanços na Medicina e Tecnologia que aconteceram dos anos 1990 até hoje.

A estrutura de codificação e ferramentas eletrônicas foram simplificadas na CID 11, com o objetivo de permitir aos profissionais um registro de problemas, de maneira mais fácil.

Tal atualização conta com mais códigos, sendo 55 mil códigos únicos para lesões, doenças e causas de morte.

Por que atualizar a Tabela CID?

A Tabela CID busca identificar tendências e estatísticas de saúde ao redor do mundo, codificando doenças existentes e auxiliando nos diagnósticos e tratamentos das mesmas. Com isso, é essencial para os profissionais da saúde no dia a dia.

Esta tabela está na sua nova versão – a CID 11 – que entrou em vigor em 2022. Com ela podemos contar com cerca de 55 mil códigos únicos para lesões, doenças e causas de morte.

Além do mais, na busca de simplificar a comunicação entre os profissionais e o compartilhamento entre eles de forma global, a tabela tem uma linguagem comum, de fácil entendimento.

Por ser uma importante ferramenta para médicos, é de se esperar que a tabela CID passe por mudanças frequentes, afinal, tudo na área médica sofre alterações e por esta razão ressaltamos a necessidade do aprendizado constante.

Atualização lançada em 2019 e com vigência em 2022

A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou  a nova classificação internacional de doenças, a CID-11, que traz algumas novidades (que você verá melhor logo abaixo).

Esta atualização, que busca trazer novidades e refletir as mudanças que ocorreram no âmbito médico e tecnológico ao longo do tempo, entrou em vigor em janeiro de 2022, substituindo a CID 10, esta por sua vez, que estava ativa desde 1990.

O que a CID 11 trouxe de novidade à Tabela CID?

tabela cid mao papeis
Tabela CID: consulta.

Como dissemos acima, está nova classificação traz novidades e entre elas, podemos citar a  a inclusão do distúrbio de games como um dos problemas de saúde mental, além de capítulos inéditos sobre medicina tradicional e saúde sexual.

Gaming disorder

Uma das novidades foi a inclusão do vício em jogos de videogame na lista de distúrbios mentais  (gaming disorder) pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A organização definiu tal problema como um “padrão de comportamento persistente ou recorrente”, do qual, pode comprometer de forma significativa a vida da pessoa em todos os aspectos, seja pessoal, familiar, social, educacional, ocupacional ou qualquer outro

Resistência antimicrobiana

Esta é outra das novidades do CID 11 e trata-se de um problema tão perigoso quanto uma pandemia, segundo a própria Organização Mundial da Saúde (OMS).

Este fenômeno acontece devido a uma resistência aos medicamentos de bactérias, vírus, fungos e parasitas, colocando em risco a eficácia de tratamentos para estas infecções.

Síndrome de burnout

Esta Síndrome, também chamada de esgotamento profissional, tem se tornado tão comum, que a Organização Mundial da Saúde (OMS) a classificou como um “fenômeno ocupacional”, incluindo na CID 11.

Este problema ocorre, especialmente, por excesso de trabalho, causando sintomas como agressividade, cansaço excessivo, falhas de memória, dificuldade de concentração e dores musculares e de cabeça.

Transexualidade

A transexualidade é uma das possibilidades de identidade de gênero, sendo pessoas que biologicamente nasceram com características físicas relacionadas a um gênero, mas se sentem e compreendem gênero oposto.

E, após anos sendo categorizada como um transtorno mental, a OMS oficializou que a transexualidade não é uma condição mental, mas sim, relacionada à saúde sexual – sendo classificada como “incongruência de gênero”.

Autismo

O Transtorno do Espectro do Autismo também passou a fazer parte da CID 11, onde foi reunido  todos os transtornos que estavam dentro do espectro do autismo no CID 10 em um só diagnóstico, simplificando o entendimento.

De forma resumida, trata-se de um problema psiquiátrico que afeta a comunicação e capacidade de aprendizado e adaptação da criança, aparecendo entre 1 ano e meio e 3 anos.

Conheça a Sinaxys

tabela cid mao computador
Informações da Tabela CID.

E se você é dentista ou médico e está a procura de oportunidades na área, saiba que a Sinaxys pode te ajudar nessa busca.

Na Sinaxys você encontra uma rede de network profissional, com as mais variadas vagas para médicos e dentistas ou quaisquer outros profissionais da saúde nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

No entanto, além de trazer ótimas vagas e dinamizar sua carreira, a Sinaxys também disponibiliza um blog com conteúdos informativos sobre saúde, inovação e tendências, e ainda, dicas para você se dar bem na carreira.

Entre no site da Sinaxys para encontrar vagas, fazer network e aumentar sua captação de pacientes. Clique aqui

Conclusão

tabela cid grupo medicos
Tabela CID: consultório médico.

A Classificação Internacional de Doenças (CID) é uma tabela de alcance internacional, que tem como objetivo auxiliar profissionais da saúde no diagnóstico e tratamento das mais diversas doenças, identificadas pela ciência.

Sempre está em constante atualização pela Organização Mundial da Saúde (OMS), responsável pela tabela CID. E não é para menos, afinal, ela não só classifica e codifica as principais doenças existentes, como também traz informações a respeito delas, tais como: sinais e sintomas.

A CID 11, que entrou em vigor neste janeiro de 2022, simplifica ainda mais, com uma linguagem comum, no intuito de fazer com que os profissionais da saúde compartilhem seus conhecimentos de maneira global entre si.

É nesta nova atualização que temos ainda um reflexo das mudanças ocorridas desde os anos 1990, visto que esta versão traz problemas atuais, como o vício em jogos de videogame, e muda determinadas perspectivas a respeito de problemas como autismo e transexualidade.

Continue acompanhando nosso blog para ficar por dentro de tudo o que envolve a área médica e não deixe de compartilhar!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere, profissional da saúde!

Baixe o app da SINAXYS gratuitamente

medico sinaxys

Encontre as melhores vagas de emprego na área da saúde.

medico sinaxys

Encontre vagas de emprego na área da saúde.